Perfume de Cristo (02:14)

Certa vez o apóstolo Paulo comparou o cristão a um perfume. Ele disse aos cristãos de Corinto que nós cristãos somos o bom perfume de Cristo.

É interessante nós pensarmos nessa analogia, nessa comparação. Todas as pessoas gostam de sentir um bom perfume, um aroma agradável e quando Paulo disse que os cristãos representavam o bom perfume de Cristo ele quis dizer algumas coisas.

A primeira dela é que assim como um perfume, o cristão também precisa ter uma essência e a essência do cristão é justamente o amor que ele sente pelo Senhor Jesus.

A essência vai produzir o aroma, no caso de um perfume, e na vida de um crente é a mesma coisa, é a essência do seu relacionamento com Deus que vai produzir, agora, um efeito que as pessoas irão notar, que as pessoas irão perceber ao chegarem perto deste seguidor de Cristo. E este talvez seja o segundo aspecto pelo qual o apóstolo Paulo comparou o cristão a um perfume, ao bom perfume de Cristo, porque assim como um bom perfume que enche o ambiente de um aroma agradável, a presença de um filho de Deus em um lugar torna aquele lugar melhor, influencia positivamente o ambiente e as pessoas que estão ali perto.

Então como filhos de Deus, seguidores de Jesus, nós temos essa responsabilidade de tornar a vida das pessoas melhor e o ambiente onde nós estamos melhor também. E em terceiro lugar, Paulo disse que nós representamos o bom perfume de Cristo porque assim como as pessoas em geral são atraídas por um cheiro agradável, por um bom perfume, se nós também representarmos esse bom perfume de Cristo, nós poderemos atrair as pessoas para Ele. E você, não quer exalar o bom perfume de Cristo na sua vida também?

No comments yet... Be the first to leave a reply!

Leave a Comment

 

— required *

— required *